Quarta-feira, 26 de Março de 2014
26.03.2014 - Por Fora de Série, às 18:46
 

No Verão a palavra de ordem é saladas, frutas e tudo o que tenha poucas calorias. Mas não é essa a senha de um ‘chef’, muito menos a sua preocupação. Vitor Cardoso e a sua equipa apostaram em ingredientes tradicionais da gastronomia portuguesa, de forma a agradar aos gostos variados dos clientes do restaurante do Vintage Hotel Lisboa. E é por isso que o desfile de opções, apresentadas a partir de 1 de Abril, constituem uma verdadeira tortura psicológica para o Verão. No bom sentido, entenda-se.

E leia-se já a seguir algumas das sugestões: Escalope de ‘foie’ com ‘chutney’ de ruibarbo e vinho do Porto ou sopa fria de couve-flor com peras bêbadas e amêndoa laminada, duas alternativas entre cinco entradas e três sopas. Um robalo com feijoada de mexilhão e algas marinadas, ou frango recheado com ‘mozarella’ e manjericão com migas de tomate, são talvez das opções mais “substanciais”. Mas há mais: bacalhau confitado com todos, arroz de pato, corvina com malandrino de ostra e limão, leitão assado com batata ‘chips’ e esparregado de grelos, risotos – de açafrão com tempura de legumes ou de coco e vieiras com crosta de caril – ou ‘chao min’ de legumes ou de camarão.

 

 
Para arrumar de vez com o palato, uma mousse de chocolate com gelado de morango, ou uma ‘tartelete’ de pêssego com gelado de baunilha, encharcada de ovos com gelado de limão, ou semifrio de ananás, coco e maracujá. Uma coisa é certa, ninguém pode acusar o ‘chef’ Vitor Cardoso de umas gramas a mais. Afinal, a função dele não é refrear o palato, mas sim satisfazê-lo. Na Rua Rodrigo da Fonseca, nº 2, em Lisboa. CSB
 

Tags: