Segunda-feira, 21 de Setembro de 2015
21.09.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

So-far,-so-close_Cindy-Ng-(1).png

 

Uma exposição celebra o Douro vinhateiro, retratando-o com os padrões estéticos do oriente. Uma nova visão para um cenário único, a não perder na Fundação Oriente a partir de 24 de Setembro.

“So Far, So Close” é o nome da exposição da artista macaense Cindy Ng, resultado de uma temporada passada no Douro a convite da empresa de vinhos Lima Smith. A artista, que reparte o seu tempo entre Pequim, Taiwan e Macau (onde é a Presidente da Associação das Artes Visuais) passou uma temporada nas quintas da Covela e da Boavista e, naturalmente, foi a paisagem da região o que a mais impressionou. Tal como os vinhos que decidiu incorporar na obra que ali realizou. Incorporou literalmente já que misturou vinhos do Porto, DOC e Verdes com as tintas convencionais para criar os mais de 22 quadros que agora podemos admirar.

A exposição inclui ainda uma experiência multimédia e imersiva, com a ajuda do seu telemóvel, mas é sobretudo a magnífica reinterpretação deste cenário com os traços pictóricos do Oriente que surpreende.

A exposição estará patente até 23 de Outubro. BL

Tags: ,