Segunda-feira, 18 de Maio de 2015
18.05.2015 - Por Fora de Série, às 15:28

 

Um produtor de moda/modelo com um curso de cozinha e pastelaria e um técnico de nutrição com gosto pela área da moda. Óscar Reis e Ricardo Pereira juntaram forças para criar uma plataforma com um ponto de vista singular. O Fashion Table, que está ‘online’ desde a semana passada, é um 'site' onde estes dois mundos – o da alimentação e da moda – se cruzam, concebido justamente para pessoas que pensam na sua imagem de forma transversal. O objectivo é que o conteúdo faça sempre uma ligação entre dois aspectos da área da alimentação e da moda. Por exemplo, conta Óscar Reis, se um escreve sobre o valor nutritivo dos frutos vermelhos, o outro pega na ideia da cor e fala sobre o vermelho do 'designer' Valentino. Conheça esta nova plataforma aqui. CLM




Quinta-feira, 7 de Maio de 2015
07.05.2015 - Por Fora de Série, às 18:57

 Avenida 2.jpg

 Há cinco anos, a Fora de Série dedicou uma edição à Avenida da Liberdade.  Na altura já se começava a afirmar como uma avenida de luxo, mas aquilo que faltava era marcas para o confirmar. A história hoje é bastante diferente: só durante este anos abriram mais de 40 marcas de luxo ou ‘premium’ e a oferta continua a crescer.

Este mês voltamos a falar sobre esta nobre artéria Lisboeta. Fomos perceber aquilo que mudou desde 2010 e o que motivou o crescimento do segmento do luxo na Avenida da Liberdade. Ouvimos também “as vozes da Avenida”, que parecem indicar para a necessidade de uma estratégia unificada entre os principais lojistas.

  

pf2015_FS_PaulaAmorim-0017.jpg

  

Numa produção realizada no Hotel Valverde, bem no meio da Avenida, Paula Amorim, CEO da Amorim Luxury e conhecida por ser uma pessoa reservada, contou tudo sobre o negócio de família.

Para além do editorial de moda que todos os meses faz parte da revista – nesta edição, uma ode à mulher-poema - não deixe de espreitar também a sessão de ‘selfies’ de Paulo Pires e as coloridas imagens da cidade dos bons ventos, Buenos Aires. Fica aqui um pequeno ‘video teaser’ do editorial poético e romântico, realizado na casa onde nasceu Marquês de Pombal.

 

 

A Fora de Série de Maio vai estar amanhã nas bancas, como sempre, com o Diário Económico. Pode também descarregar a edição digital, através da aplicação de iPad. Se ainda não subscreve, pode fazê-lo aqui.




Quarta-feira, 1 de Abril de 2015
01.04.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

_DSC2547.jpg

 

A estilista portuense abriu a sua primeira loja em Lisboa, num espaço de eleição mesmo ao Príncipe Real. E com uma colecção desenhada em exclusivo para o novo espaço. A loja fica no Pátio do Tijolo, nº 16, entre o jardim do Príncipe Real e o miradouro de S. Pedro de Alcântara. É um espaço amplo, de decoração minimal, o que casa bem com as suas peças simples e sóbrias, ainda que tenham sido todas executadas em ‘atelier’. Aliás, simplicidade, sobriedade e exclusividade são definitivamente as características mais marcantes da moda de Anabela Baldaque.

 

_DSC2474.jpg

 

A nova loja é um passo grande na estratégia de crescimento da estilista, presença assídua na Moda Lisboa e no Portugal Fashion, mas que, até aqui, contava apenas com um espaço próprio, na Foz, no Porto. Além da roupa de Anabela Baldaque, a loja conta ainda com um espaço “Cassio Home Gift Style", uma parceria com o designer Paulo Cassio que alarga a oferta a acessórios de decoração para casa. BL




Quarta-feira, 25 de Março de 2015
25.03.2015 - Por Fora de Série, às 19:00

pf_VAA2014-0253.jpg

 

O serviço “Orquestra”, da Vista Alegre, foi recentemente galardoado com o prémio internacional de design da revista Wallpaper na categoria “Best coffee and cake”. Fruto da aposta da marca portuguesa de porcelanas num património projectado para o futuro, no design de referência, na modernização e na inovação técnica, “Orquestra” é um serviço de mesa que joga com diferentes padrões de linhas geométricas, procurando recriar de uma forma visual aquela mesma complexidade harmoniosa que encontramos nos ritmos musicais de uma sinfonia. Este serviço foi concebido pelos designers libaneses David Raffoul e Nicolas Moussallem, no âmbito do projecto ‘ID Pool’, uma residência artística para jovens designers nacionais e internacionais promovida regularmente pela Vista Alegre. IQ




25.03.2015 - Por Fora de Série, às 16:40

Começa hoje, em Lisboa, a 36ª edição do Portugal Fashion. O evento decorre até este Domingo, a partir de amanhã no Porto. As duas cidades portuguesas vêm, como é habitual, concluir o roteiro internacional de diferentes semanas da moda. Este ano, a organização marcou presença em Madrid, mais recentemente, Paris. Segue a reportagem.

 

DiogoMiranda_065_0.jpg

 

Paris voltou a ser palco da apresentação das colecções de três designers de moda nacional em plena semana do 'prêt-a-porter' feminino. Aos nomes de Fátima Lopes e Luís Buchinho, dois portugueses que são já presença regular nesta cidade em termos de desfiles, juntou-se desta vez o de Diogo Miranda, que teve aqui a sua estreia em França. A Torre Eiffel e a Biblioteca Nacional de Paris foram os palcos escolhidos pelo Portugal Fashion. De acordo com a organização, o objectivo foi conceder oportunidades a longo prazo e “possibilitar aos designers a criação de notoriedade e marca de água no mercado global”.

 

FatimaLopes_074_0.jpg

  

Fátima Lopes foi a primeira destes três designers a fazer desfilar as suas propostas para o próximo Outono/Inverno no dia 7 de Março. Foi na sala Gustave Eiffel, no primeiro andar da enorme torre de ferro, e se, no início, imprensa e convidados ficaram com a impressão de que o desfile decorreria numa sala escura e fechada, essa mesma impressão rapidamente se desfez, quando as cortinas se abriram revelando as luzes de Paris em todo o seu esplendor. Luzes que se acenderam mal o sol se pôs e no horizonte surgiram núvens em tons de fogo. Ao laranja e cinzento chumbo das nuvens dispersas seguir-se-ia, na 'passerelle' uma outra paleta de cores. Preto, púrpura, verde seco e azul orgânico, foram as cores escolhidas para uma colecção de nome "Black Rainbow" e que volta a apostar na feminidade acentuada e que é a imagem de marca da estilista madeirense. As peles e os couros foram os materiais, aplicados sobretudo em casacos e vestidos, a que se juntaram a seda, a caxemira e as rendas em coordenados mais leves de modo a dar essa ideia de força e fragilidade que Fátima Lopes transmitiu com esta colecção.

 

DiogoMiranda_022_0.jpg

 

A Biblioteca Nacional de Paris foi, no dia seguinte, palco para os desfiles de dois criadores cujas colecções remetem para o universo dos filmes de ficção científica, no caso do primeiro, e da banda desenhada, no caso do segundo. Às 13h30 foi a vez de Diogo Miranda fazer a sua estreia nesta cidade com uma colecção que descreve como inspirada numa "silhueta 'couture' em tom subversivo". Os ombros acentuados foram a tónica na maioria dos coordenados, um pormenor austero que contrastava com o corte sensual, com este designer a privilegiar as curvas da mulher em praticamente todas as propostas. Bordeaux, preto, azul navy, azul riviera e branco foram as cores escolhidas por Diogo, cuja combinação entre a ousadia e a elegância das formas funcionou bem na 'passerelle'.

 

LuisBuchinho_123.JPG

 

Horas depois, pelas 18h30 seria a vez de Luís Buchinho cuja colecção de nome "Comics", inspirada na banda desenhada, não podia ter tido melhor palco. Momentos antes do desfile encontrámos um Buchinho visivelmente feliz por apresentar as suas propostas na enorme sala principal da Biblioteca Nacional de Paris, forrada de livros e de histórias em papel.

A completar 25 anos de carreira, este designer de Setúbal há muitos anos radicado no Porto apresentaria uma colecção inspirada na banda desenhada que, segundo o próprio, contribuiu para a escolha desta profissão. Os elementos gráficos estavam presentes um pouco por toda a parte, da maquilhagem aplicada no rosto das modelos às malhas e cortes das peças. Destaque para a combinação entre malhas, cabedal e algodão forte e para a forma como brincou com as texturas e com os materiais, aliado a uma combinação perfeita de cores, onde predominaram os brancos e azuis, duas cores habituais nas propostas deste designer, a que se juntaram os tons preto, cinza e caramelo. Durante cerca de 15 minutos, quem conhece o trabalho de Luís Buchinho, revisitou aqui o seu percurso. Com as suas propostas em termos de formas e cores soube conduzir-nos a um imaginário de heroínas rebeldes, 'sexy' e ousadas criadas por nomes como Bilal, Moebius e Jodorowsky, exemplo de transposição perfeita de um tema para uma colecção. Carlos Tomé Sousa




25.03.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

herm.png

 

Acaba de chegar a todas as lojas Hermès do mundo a nova revista da marca, e Lisboa ocupa uma posição de destaque. Le Monde D’Hermès é uma revista que, a cada estação e há mais de 30 anos, nos abre as portas ao mundo da casa francesa. Nesta edição, que chega hoje a todas as lojas do mundo, o editorial de moda Primavera/Verão foi fotografado na capital portuguesa. Sob o título “Making Strides”, que pode ser traduzido por “caminhando” mas também por “avançando”, o editorial da autoria do fotógrafo Thomas Lohr e styling de Julian Ganio revela ao mundo uma Lisboa cheia de luz. Esta não é sequer a única demonstração de um amor recém-descoberto da casa francesa pela nossa cidade, que aqui gravou também o vídeo da campanha “La Flânerie”, no qual um lenço, um chapéu e um guarda-chuva voavam pelas ruas de Lisboa. ‘Flâner’em francês significa precisamente deambular, passear sem destino definido. Mas agora são modelos de carne e osso quem passeia pela calçada. A Revista Le Monde D’Hermès está disponível em todas as lojas Hermès, incluindo a loja do Chiado. BL




Quinta-feira, 19 de Março de 2015
19.03.2015 - Por Fora de Série, às 19:30

Montblanc 2.jpg

  

A Montblanc reforçou a sua presença em Portugal com uma nova ‘boutique’ no NorteShopping. Inaugurado ontem, o espaço de 70 metros quadrados foi desenhado com um novo conceito em mente. Com uma fachada de vidro, a loja tem um exterior convidativo e um ambiente elegante e sofisticado. É possível ver, mesmo de fora, as três zonas distintas que a dividem – a de relojoaria, a de instrumentos de escrita e a de marroquinaria. Com dois espaços em Lisboa, no El Corte Inglés e na Avenida da Liberdade, e um em Gaia, também no El Corte Inglés, este é o quarto ponto de venda que a marca de canetas de luxo abre em Portugal. CLM




Terça-feira, 17 de Março de 2015
17.03.2015 - Por Fora de Série, às 16:00

Triumph_Find-The-One.jpg

 

Não é um site de ‘online dating’, mas tem como objectivo ajudar 500 mil mulheres a encontrar o ‘the one’, o tal. Falamos, claro, do ‘soutien’ perfeito, um busca difícil mas que a Triumph, através da campanha Stand Up for Fit, procura encorajar todas as mulheres a não se contentarem com menos do que.

Assim, para além de oferecer um serviço completo de ‘fitting’ nas lojas, a marca criou também a plataforma digital “Encontre o Tal”, com conteúdos interactivos que incluem dicas, respostas a perguntas frequentes, algumas delas em formato de vídeo, e ainda as sugestões de um grupo de sete ‘bloggers’ de moda.

Antes de se aventurar na procura do parceiro ideal, pode passar algum tempo no conforto da própria casa a explorar as opções disponíveis e mais adequadas para si. Com o teste de tamanhos e todos os conselhos de modelos e ‘fitting’, quem sabe se não se apaixonará à primeira vista por um dos modelos. CLM

 

 




17.03.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

Topázio_Porta-Cartões-Gravada.gif

 

A Topázio dá-lhe oportunidade de surpreender o pai no dia dele com um presente verdadeiramente personalizado. É especial e prova como se importou. A centenária marca portuguesa está a oferecer um serviço de personalização de porta-cartões, que pode incluir qualquer tipo de mensagem, como, por exemplo o nome dos filhos, uma frase emblemática ou até um desenho. É uma boa forma de tornar uma ferramenta de trabalho numa peça elegante e cheia de criatividade e insere-se numa tendência internacional onde a personalização dos produtos é cada vez mais importante.

 

Dia-do-Pai.gif

 

Neste caso, ainda por cima, o serviço de personalização é totalmente grátis, sendo que o porta-cartões está disponível numa versão de prata, a um custo de 178 euros, ou de banho de prata, a 83 euros. Qualquer um está disponível nos dois espaços da marca, em Lisboa e Gondomar, e nos 800 pontos de venda distribuídos pelo país. Como o tempo de entrega é de dois dias, está bem a tempo de dar asas à imaginação. CLM




Segunda-feira, 16 de Março de 2015
16.03.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

04663698-c.gif

 

À semelhança de outras capitais mundiais, Lisboa associa-se à celebração do dia nacional da Irlanda. Lisboa pode não ser Dublin ou Nova Iorque (e não terá paradas a percorrer as ruas) mas também se prepara para festejar o dia de São Patrício, iluminando de verde a estátua do Duque da Terceira, junto ao Cais do Sodré. A estátua ficara iluminada entre hoje e o dia 18 de Março, sendo que o dia de S. Patrício, o padroeiro nacional da ilha, se comemora a 17.

É a primeira vez que Lisboa se junta a estas celebrações, unindo-se finalmente a tantas outras cidades pelo mundo fora. Como Paris, por exemplo, que ‘pinta’ de verde a Torre Eiffel, de Londres, que faz o mesmo à London Eye, do Dubai que ilumina o Burj Al Arab ou de Chicago, que tinge o rio que a atravessa daquela cor. Já a escolha do Duque da Terceira deve-se à sua localização emblemática mas também ao facto da estátua ter sofrido recentemente um completo restauro, para o qual estas celebrações chamam a atenção. Além de que, à boa maneira Irlandesa, a única outra forma de celebrar a data é brindando com uma boa ‘pint’ de Guiness ou um whiskey, e ambos podem ser encontrados em abundância na zona envolvente. BL




Terça-feira, 3 de Março de 2015
03.03.2015 - Por Fora de Série, às 17:00

 

“Made by you” é o título da nova campanha de Primavera 2015 que acaba de ser lançada pela Converse e que tem por objectivo a comemoração dos fãs de uma criação com cerca de 100 anos: os ‘sneakers’ Chuck Taylor All Star.

Partindo de “uma simples verdade humana”, a de que “todos nós queremos ser verdadeiros, autênticos neste mundo”, como lembra Ian Stewart – o vice-presidente de marketing global da Converse – a marca andou pelo mundo a recolher histórias, auto-retratos destes fãs, de múltiplas facetas, opções, gostos ou culturas, mas com um item em comum: os ‘sneakers’ Chuck Taylor All Star. E o resultado é “Made by you”. IQ




03.03.2015 - Por Fora de Série, às 15:00

Lemaire-Tran-2.jpg

 

Há já algum tempo que não se ouvia falar de Christophe Lemaire. Basicamente desde o passado dia 1 de Outubro, a data do desfile da última colecção que assinou como director criativo da Hermès. Desde então, sabe-se que Lemaire tem estado a trabalhar para a sua marca homónima, em parceria com a designer Sarah-Linh Tran e que continua a integrar o calendário oficial da Semana de Moda de Paris, mas a verdade é que já não se ouvia falar nele há algum tempo. Até esta manhã, quando a Uniqlo anunciou que se prepara para fazer uma parceria com o criador.

À semelhança do que aconteceu no passado, com nomes como Celia Birtwell, Pharrell Williams,  Suno,  Lulu Guinness, Jil Sander ou, mais recentemente, Ines de la Fressange, a dupla de criadores da Lemaire deverá conceber uma nova colecção para a marca japonesa. Uma colecção completa, para homem e senhora, que estará disponível nas lojas Uniqlo já a partir do próximo Outono.

“Sempre tivemos o sonho de trabalhar com a Uniqlo”, anunciaram hoje Lemaire e Tran num comunicado conjunto, acrescentando que a marca “cria peças de qualidade para o dia-a-dia e para todos” e que “essa é também a filosofia da Lemaire”. Uma posição muito semelhante à defendida por Tadashi Yanai, chairman do grupo Fast Retailing (de que faz parte a Uniqlo, para quem a “abordagem da Lemaire ao design respeita a individualidade e integra-se perfeitamente na filosofia de ‘lifewear’ da Uniqlo, cujo objectivo é o de tornar a vida melhor”. IQ




Segunda-feira, 2 de Março de 2015
02.03.2015 - Por Fora de Série, às 17:00

 

Foi o azul profundo do mar das Caraíbas que serviu de cenário para a mais recente campanha “Spirit of Travel” da Louis Vuitton. Um pano de fundo idílico que vem realçar as peças da colecção Primavera-Verão, desde as malas de viagem às carteiras “Twist” ou “Alma” em pele Epi e tons solarengos que passam pelo turquesa ou o framboesa.

DEI-440x285-T-DP7-INTL.jpg

A nova campanha, interpretada pelas manequins Liya Kebede, Maartje Verhoef eJulia Nobis foi fotografada por Patrick Demarchelier e a produção é de Marie-Amélie Sauvé. IQ




Segunda-feira, 16 de Fevereiro de 2015
16.02.2015 - Por Fora de Série, às 15:30

 

É já daqui a pouco o desfile da Tommy Hilfiger e, assim como na estação passada, a colecção de Outono/Inverno 2015, em directo de Nova Iorque, passa também por aqui.

Este ano a experiência digital tem um novo 'twist'. A marca norte-americana, que celebra o seu 30º aniversário, criou duas peças de edição limitada, uma ‘clutch’ e uma camisola, que podem ser compradas directamente na ‘passerelle’, através da plataforma de ‘live stream’.

O desfile começa às 11h de Nova Iorque, 16h em Portugal. CLM

 

30th-Anniversary-Sweater_Burgundy.gif

 




Sexta-feira, 6 de Fevereiro de 2015
06.02.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

UX305_black-Left-Open135.gif

Chegou o Asus ZenBook UX305, o portátil de 13,3 mais fino do mundo. As empresas de tecnologia gostam de se gabar destes feitos: “O mais fino do mundo”, “o mais leve”, “o mais poderoso”… Mas o facto é que o novo Asus, para além do título, tem muitos e fortes argumentos para quem procura um novo portátil. A começar pelo facto de ser um dos primeiríssimos computadores a chegar ao mercado com os novos processadores da linha Core-M da Intel, que permitem laptops sem ventoinha, logo muito mais silenciosos. No caso, e visto que tem memória SSD, por oposição aos tradicionais “gira-discos” HDD, o ZenBook UX305 é mesmo ultra silencioso. O ecrã touchscreen de 13 polegadas consegue também a impressionante resolução de 3200x1800 pixéis, muito para lá da alta definição. 

 

UX305_black-Left-Back-Open45.gif

 

Quanto ao design, e para lá da referida espessura mais fina que é de 12,3 mm, já agora, é um dos mais bonitos e luxuosos do mercado. Ainda por cima o chassis é em alumínio o que lhe confere uma maior resistência e durabilidade. O peso também não está nada mal para um computador que se quer ultra portátil (1,2 kg) nem a autonomia de bateria (10 horas). Por outro lado, não se compreende a inexistência de um teclado retro iluminado, o que se pode tornar um problema em condições de fraca luminosidade, ainda por cima num computador que se quer ‘premium’. Existem algumas hipóteses de personalização, nomeadamente ao nível das características técnicas – mais ou menois memória, etc – que vão interferir no preço final, mas, de base, o Asus tem um preço de 999 euros. BL