Quarta-feira, 6 de Maio de 2015
06.05.2015 - Por Fora de Série, às 17:30

03.png

 

A Torres Joalheiros tem à venda uma selecção de peças a preços especiais, em que parte da receita reverte para a construção de novas instalações para a Casa dos Rapazes. Da selecção fazem parte jóias, relógios, canetas, carteiras e óculos de sol, que estarão à venda até amanhã, dia 7 de Maio, na loja da Avenida da Liberdade.  O apoio à Casa dos Rapazes – que acolhe jovens do sexo masculino entre os 6 e os 18 anos – destina-se à construção de uma nova morada. A recolha de fundos por várias entidades, marcas e pessoas vai permitir o arranque da construção da nova Casa, cujas anteriores instalações foram destruídas por um incêndio, em 2005. CSB




Sexta-feira, 17 de Abril de 2015
17.04.2015 - Por Fora de Série, às 11:32

Lunch-Box-1.gif

É o que se pode chamar de “almoçar com estilo e à portuguesa”. A “Lunch Box” é uma lancheira de cortiça, desenvolvida pelos alunos de design da NABA - Nueva Academia Belle Arti di Milano, em parceria com a Corticeira Amorim. Concebida de acordo com princípios sustentáveis, como a redução de desperdícios durante a produção, recorre ao uso da cortiça, material que assegura um grande isolamento e é 100% reciclável.

Para além da “Lunch Box”, a Corticeira Amorim participa ainda em mais duas iniciativas na “Milan Design Week” (a decorrer até 19 de Abril): Exit, um sistema de revestimento de paredes ou pisos que conjuga cortiça, terracota e mármore com terra crua, desenvolvido por StudioIrvine para MatteoBrioni; e uma exposição de homenagem a James Irving, que inclui dois projectos do conceituado designer para a Corticeira portuguesa. CSB




Quarta-feira, 1 de Abril de 2015
01.04.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

_DSC2547.jpg

 

A estilista portuense abriu a sua primeira loja em Lisboa, num espaço de eleição mesmo ao Príncipe Real. E com uma colecção desenhada em exclusivo para o novo espaço. A loja fica no Pátio do Tijolo, nº 16, entre o jardim do Príncipe Real e o miradouro de S. Pedro de Alcântara. É um espaço amplo, de decoração minimal, o que casa bem com as suas peças simples e sóbrias, ainda que tenham sido todas executadas em ‘atelier’. Aliás, simplicidade, sobriedade e exclusividade são definitivamente as características mais marcantes da moda de Anabela Baldaque.

 

_DSC2474.jpg

 

A nova loja é um passo grande na estratégia de crescimento da estilista, presença assídua na Moda Lisboa e no Portugal Fashion, mas que, até aqui, contava apenas com um espaço próprio, na Foz, no Porto. Além da roupa de Anabela Baldaque, a loja conta ainda com um espaço “Cassio Home Gift Style", uma parceria com o designer Paulo Cassio que alarga a oferta a acessórios de decoração para casa. BL




Quinta-feira, 5 de Março de 2015
05.03.2015 - Por Fora de Série, às 17:30

Jaeger-LeCoultre-New-York-Boutique-flagship---2.jp

 

A Jaeger-LeCoultre acaba de inaugurar a sua primeira flagship em Nova Iorque, um espaço com cerca de 65 m2 situado no n.º 701 da Madison Avenue, em pleno coração de Manhattan.

A nova loja, cuja cerimónia de inauguração contou com a presença de vários ilustres – entre os quais os dois embaixadores da marca, o actor britânico Clive Owen e a actriz canadiana Sarah Gadon – apresenta uma decoração sofisticada e discreta, em consonância com a avenida que a acolheu. O espaço pretende ser, acima de tudo, um eco do prestígio da marca suíça, passado, presente e futuro, e isso sente-se logo à entrada, onde se destaca uma parede totalmente revestida por movimentos de relógios que contam a história dos 1.249 calibres criados pela manufatura desde 1833.

Nova Iorque surge na esteira de Paris, Hong Kong e Singapura, mas a temporada ainda não terminou para a Jaeger-LeCoultre, que prepara a abertura de mais um espaço com o seu nome já esta Primavera. A próxima loja a abrir será em Londres, mais concretamente no n.º 13 de Old Bond Street e ocupará um total de 230 m2 divididos por várias salas, dedicadas não apenas às colecções da marca, mas também à sua história e ao seu ‘savoir-faire’. IQ




Quarta-feira, 4 de Março de 2015
04.03.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

The-Yeatman_Spa_Piscina-Interior_vista-noite.jpg

 

O hotel vínico The Yeatman, em Vila Nova de Gaia, voltou a ser eleito como “Melhor Hotel” pela revista de vinhos britânica “Drinks International”. É a segunda vez consecutiva que a unidade hoteleira portuguesa, que pertence ao grupo The Fladgate Partnership, recebe esta distinção, atribuída no âmbito dos “Wine Tourism Awards” promovidos pela mesma publicação.

Além deste prémio, o The Yeatman recebeu ainda uma “Alta Recomendação” que o elege como a “melhor experiência de harmonização entre vinho e gastronomia”, uma referência ao trabalho desenvolvido pelo ‘chef’ Ricardo Costa – que valeu ao restaurante uma estrela Michelin – em parceria com a directora de vinhos Beatriz Machado.

Recorde-se que além da localização, que tira partido de uma vista única sobre o rio Douro, o The Yeatman oferece um conceito vínico que é transversal a todos os serviços, desde a decoração à gastronomia, passando pela garrafeira, sem esquecer os tratamentos de vinoterapia do Spa by Caudalie. IQ




Quinta-feira, 12 de Fevereiro de 2015
12.02.2015 - Por Fora de Série, às 17:00

hermes+boxes.jpg

 

A Hermès bateu, em 2014, um recorde histórico de vendas ao ultrapassar, pela primeira vez, a barreira dos quatro mil milhões de euros. De acordo com o comunicado hoje publicado pelo grupo francês, criador das célebres carteiras ‘Birkin’ e ‘Kelly’ e dos não menos famosos ‘carrés’ de seda, o volume de negócios relativo ao último ano fiscal cifrou-se nos 4,12 mil milhões de euros, o que representa um crescimento de 11,1% relativamente ao exercício fiscal anterior. De acordo com o mesmo comunicado, este resultado foi sustentado por um forte crescimento registado no quarto trimestre do ano, impulsionado pela actividade nas lojas do grupo em todas as zonas geográficas. Crescimentos na ordem dos 15% na América, 13% no Japão, 13% nos restantes países da Ásia e 7% na Europa, nomeadamente. IQ

Tags:



Quinta-feira, 29 de Janeiro de 2015
29.01.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

Penhaligon's-Boutique-inharbour-City_Hong-Kong.jpg

 

O grupo Puig acaba de anunciar a compra das marcas de perfumaria Penhaligon’s London e L’Artisan Parfumeur. A empresa catalã, que celebrou o ano passado o seu centenário e se assume actualmente como um grupo transversal às áreas de perfumaria, de cosmética e de moda fechou o negócio com a empresa de ‘private equity’ Fox Paine & Company, LLC, por um montante ainda não revelado.

Fundada em 1870, a Penhaligon’s London é uma das casas perfumistas britânicas mais prestigiadas, responsável pelo célebre “Blenheim Bouquet”, uma fragrância criada em 1902 para o Duque de Marlborough.

Mais recente, a L’Artisan Parfumeur foi fundada em 1976 em Paris e é conhecida pelo carácter simultaneamente artesanal e inovador dos seus perfumes.

As duas novas marcas do grupo Puig vêm engordar uma carteira já vasta e com um peso internacional, da qual fazem parte casas tão emblemáticas como a Paco Rabanne, Nina Ricci, Carolina Herrera ou Jean Paul Gaultier. IQ

 

L'Artisan-Parfumeur-Boutique-in-Paris_France.jpg

Tags:



Quarta-feira, 21 de Janeiro de 2015
21.01.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

Hackett_AMR_Goodwood_268-copy.jpg

 

A Hackett London, que em Novembro passado inaugurou a sua primeira loja portuguesa na Avenida da Liberdade, acaba de anunciar uma nova parceria desportiva, desta vez com a Williams Martini Racing.

Este novo patrocínio prevê que a marca britânica forneça equipamento à equipa da Williams, assim como roupa e bagagem aos restantes membros da mesma, durante toda a próxima época de Fórmula 1 que arranca em Melbourne a 15 de Março com o Grande Prémio da Austrália. Na qualidade de parceira oficial, a Hackett terá ainda o seu logótipo no carro  – um Mercedes FW37 –, nos fatos e capacetes usados pelos pilotos Felipe Massa, Valtteri Bottas e Susie Wolff e também nas t-shirts dos membros da equipa.

A ligação da marca de roupa masculina fundada por Jeremy Hackett ao universo do automobilismo já vem de longe. Aliás, “faz parte do [seu] ADN”, como este diz no comunicado oficial da marca. Desde 2005 que a Hackett é parceira oficial da Aston Martin Racing Team, sendo este, até agora, o seu maior patrocínio. Tendo em conta esta estreita ligação, “é uma honra poder agora trabalhar com uma das melhores equipas de Fórmula 1”, salienta Jeremy Hackett, acrescentando que “a Williams Martini Racing é um símbolo de prestígio e luxo, por isso fazia todo o sentido a Hackett vestir a equipa durante toda época”. Nem de propósito, faz ainda questão de lembrar o seu fundador, a Hackett foi fundada em 1979, “na mesma altura em que a equipa Williams ficou em primeiro lugar no campeonato do mundo, uma grande coincidência... se é que elas existem!”. IQ




Sexta-feira, 16 de Janeiro de 2015
16.01.2015 - Por Fora de Série, às 11:59

TerrinaTomate.gif

As andorinhas, as loiças com formas de legumes e até o Zé Povinho Bordallo Pinheiro já podem ser comprados sem sair de casa. E até 31 de Janeiro, as entregas são gratuitas no continente português. A Fábrica de Faianças Artísticas portuguesas, com mais de um século de história na produção de peças do legado de Rafael Bordallo Pinheiro, acaba de lançar a loja online.

Através do site podem ser compradas desde as peças mais icónicas às colecções recentes, como a Sardinha by Bordallo Pinheiro, as caixas Pimento e Cogumelo ou o serviço de mesa Alcachofra e Pássaro. O site permite também criar uma ‘wishlist’ que pode ser partilhada por e-mail e, assim, receber os presentes de que gosta e necessita ao invés de surpresas indesejadas. CSB

 

Sardinhas.gif

 




Quinta-feira, 15 de Janeiro de 2015
15.01.2015 - Por Fora de Série, às 13:30

loja.gif

Inaugurada nos anos 70, no Centro Comercial Alvalade, a charcutaria e garrafeira Moy Lisboa acaba de abrir uma nova loja no Monte do Estoril. No número 514 A da Avenida Sabóia, a área com cerca de 150 m2 e dividida por dois pisos apresenta produtos alimentares de luxo como massas, ‘risottos’, bolachas, chocolates, compotas, molhos, especiarias, azeites, queijos, enchidos, fumados, chás e cafés, entre mais de mil referências ‘gourmet’, e uma vasta garrafeira. O espaço dos vinhos, situado na cave e três vezes maior do que o da loja do Príncipe Real, aposta na produção nacional – nomeadamente em pequenas produtores menos conhecidos -, além de champanhes, whiskies, gins, vodkas e licores das mais variadas origens.   

A filosofia da máxima qualidade prossegue no Monte do Estoril com a presença de marcas como Petrossian (a mais emblemática referência de caviar do mundo, que produz também ‘foies gras’ e peixes fumados) e outras de iguarias delicadas como Cottage Delight, Fauchon e Frantoio di Sant’Agata d’Oneglia partilham a loja com as mais de 100 variedades de chás. Mariage Frères, Kusmi Tea e outras, que podem ser compradas embaladas ou a peso. Destaque também para a selecção de whiskies que é da responsabilidade da Whisky & Co, a primeira loja especializada em Portugal e detentora da maior colecção de garrafas e referências.

Prevista está também a abertura de uma esplanada onde os clientes podem degustar alguns dos produtos da loja, com destaque para a pastelaria francesa, brigadeiros do Ponto Condensado ou queijadas de Sintra, na companhia de um chá da Mariage Frères, Kusmi Tea ou Fauchon. CSB

garrafeira.gif

 




Terça-feira, 16 de Dezembro de 2014
16.12.2014 - Por Fora de Série, às 14:30

Lt32.gif

 

Um óleo sobre tela assinado por Dórdio Gomes, intitulado “Ceifeiro – Arraiolos”; uma Papeleira D. José em pau-santo decorada com talha e ferragens em bronze; outro óleo sobre tela de Domingos Sequeira, "A Última Ceia", e ainda um óleo sobre madeira de Júlio Pomar, intitulado “Colhida", assinado e datado de 1961, são algumas das peças que fazem parte do “Leilão de Antiguidades e Arte Moderna e Contemporânea”.  A encerrar o ano, o Palácio do Correio Velho leva à praça cerca de 891 lotes com venda presencial, e outros 314 lotes que poderão serão licitados online.

Com preços base entre os 30 e os 100 mil euros, este leilão apresenta uma outra novidade: “Life Bidding. Ou seja, para além da possibilidade de licitar presencialmente, por telefone, ou através de ordem de compra, também é possível através da internet, em tempo real e assistir ao que se passa na sala. O primeiro decorre nos dias 16, 17 e 18, a partir das 19h30; o leilão online acontecerá entre as 10h do dia 16, até às 21h de 19.  CSB




Sexta-feira, 5 de Dezembro de 2014
05.12.2014 - Por Fora de Série, às 13:30

1st class onboard lounge_JPEG.jpg

 

A verdade é que, num dia normal, a Emirates serve a bordo, e a passageiros de todas as classes, mais de 60 tipos diferentes de vinhos, champanhe e Vinhos do Porto, provenientes daquelas que considera serem “as melhores vinhas de 11 países”.

Fruto de um investimento a longo prazo, que ultrapassou os 400 milhões de euros, o programa de vinhos desta companhia aérea é resultado do esforço de uma equipa de especialistas que tem vindo a desenvolver relações directas com alguns produtores para assegurar que os vinhos servidos a bordo são mesmo os melhores. Isto significa que, muitas vezes, alguns dos vinhos são comprados ainda antes de serem engarrafados e disponibilizados no mercado. O critério de selecção tem em conta não apenas a qualidade de cada vinho e a ligação deste à comida que é servida a bordo, mas também a forma como os vinhos reagem à altitude, já que são servidos a 35 mil pés. Actualmente, a Emirates conta com mais de 1.2 milhões de garrafas de vinho em envelhecimento na sua adega da Borgonha, em França.

Sonho de qualquer enólogo ou ‘sommelier ‘, a adega da Emirates inclui alguns dos mais prestigiados vinhos franceses, como sejam o Château Lafite ou o Château Mouton-Rothschild. A par destes, destacam-se vinhos provenientes de outras regiões produtoras, como a Austrália, Nova Zelândia ou a Califórnia. De Portugal, a carta da companhia integra um total de 14 Vinhos do Porto, com uma boa selecção de ‘vintages’ e ‘Lbv’. IQ




Quarta-feira, 19 de Novembro de 2014
19.11.2014 - Por Fora de Série, às 18:30

 

Se existem máquinas de venda de ‘snacks’, de bebidas e de produtos de higiene oral, porque não uma de ‘jeans’? A Tiffosi agarrou na ideia para promover o lançamento dos “One Size Fits All”, um modelo de ‘jeans’ que se adapta ao corpo de qualquer mulher, e passar a mensagem “uma escolha rápida, prática e infalível” – as máquinas estão nas lojas da marca. Produzidos num tecido ultraelástico, os ‘jeans’ “One Size Fits All” moldam-se a vários tamanhos e formas do corpo, garantindo o conforto e a elasticidade dos movimentos. E estão disponíveis em três modelos – One Size Original, One Size High (cinta subida) e One Size Up (para a silhueta perfeita) – e diferentes lavagens ‘denim’ e preto. A divertida campanha de lançamento das calças estará na televisão, internet e ‘mupis’ (deixamos o vídeo do ‘making of’).

Em simultâneo, a marca portuguesa de moda especializada em ‘jeans’ acaba de inaugurar uma ‘flagship store’ no Centro Comercial La Gavia, em Madrid. Um reforço da presença em Espanha, já que a Tiffosi está em 300 pontos de venda (entre lojas multimarcas e ‘corners’ no El Corte Inglès), mas uma estreia em espaço próprio. Esta loja inclui todas as linhas: senhora, homem e criança. CSB




Quinta-feira, 13 de Novembro de 2014
13.11.2014 - Por Fora de Série, às 13:30

PF131132-c.gif

Fotografia de Paulo Figueiredo 

 

Além de actor, produtor e ‘business man’, John Malkovich junta agora o título de produtor de vinho. A bica do Sapato, restaurante do qual é sócio de longa data, foi o local escolhido para apresentar a primeira produção do vinho LQLC. As iniciais representam o nome da quinta onde Malkovich e a sua mulher vivem, no sul de França, Les Quelles, e o nome da aldeia onde a quinta se situa, Lacoste.

A ocasião serviu, também, para serem apresentados alguns dos pratos da nova ementa da Bica do Sapato, entre eles, “canja de pato com ‘tortellini’ do mesmo e vegetais”, “paleta de borrego com arroz de chouriço da Beira Interior” e “mousse de castanha com nata azeda e molho de chocolate quente!”. A acompanhar, foram servidos Cabernet Sauvignon e Pinot Noir, colheitas de 2011. Com uma pequena produção de 10 mil garrafas, o LQLC é o primeiro vinho estrangeiro a fazer parte da carta da Bica do Sapato.

No final da refeição, a Fora de Série teve a oportunidade de conversar com o actor norte-americano sobre as suas muitas actividades. Não perca a entrevista completa, na edição de Natal da revista, que sai no dia 12 de Dezembro, com o seu Diário Económico. CLM




Segunda-feira, 10 de Novembro de 2014
10.11.2014 - Por Fora de Série, às 15:30

alexander-wang-hm-lede-fashion-miroir-blog-budget-

 

Foi uma verdadeira loucura. Costuma ser uma verdadeira loucura. A já habitual parceria entre a H&M e um criador de moda de gabarito internacional não passa despercebida em parte nenhuma do mundo. A última foi com o designer norte-americano Alexander Wang e as peças da colecção chegaram às lojas da cadeia sueca na passada quinta-feira, dia 6 de Novembro. Não foi excepção, facto comprovado pelas filas intermináveis à porta das lojas e pelo ‘crash’ do site da H&M, dez minutos depois da colecção ter sido posta à venda ‘online’.

Até aqui nada de novo. As filas já são habituais e o ‘crash’ do site já tinha acontecido há três anos, por ocasião da parceria entre a H&M e a Versace. Mas há sempre quem esteja atento e disposto a contornar o sistema para tirar o melhor partido do desejo frustrado de alguns. Assim, na própria quinta-feira, algumas das peças da cobiçada colecção chegavam ao ‘ebay’, naturalmente a preços inflacionados. De acordo com a notícia publicada pelo jornal britânico “The Independent”, alguns artigos valiam o triplo do preço tabelado, como foi o caso de umas botas de salto alto que, na loja, custavam 129,99 libras (cerca de 165,6 euros) e que foram vendidas no ‘ebay’ a 369,99 libras (qualquer coisa como 471,29 euros). IQ